Arquivo da categoria: Projetos

1/3 Stardust: Alan Braxe

A Festa Bang!, evento promovido no Vegas Club em SP está comemorando 3 anos e para isso convidou um nome de peso: Alan Braxe, que formou o trio Stardust, um dos projetos paralelos do Thomas Bangalter, juntamente com  Benjamin Diamond. A festa acontece no dia 25/02 no Vegas Club (Rua Augusta, 765). Vai rolar um orkontro novamente, então quem estiver afim de ir é só colar por lá.

Segue então uma breve biografia do Alan Braxe. No site da Festa Bang! tem mais informações sobre o evento, sobre o DJ e alguns vídeos do cara,

Alan Braxe, de nome verdadeiro Alain Quême, nasceu em França, numa cidade a cerca de 100 kms de Toulouse chamada Brax do qual viria a sair o seu nome artístico. Da sua família faziam parte outros dois DJs de renome, os seus primos Delphine e Stephane Quême, mais conhecidos como Quartet e DJ Falcon com quem viria posteriormente a trabalhar.
Em 1997, lança o seu primeiro single “Vertigo” para a Roulé  de Thomas Bangalter, um dos membros dos Daft Punk que tinham lançado até então dois grandes singles “Da Funk” e “Around The World”, tendo já alcançado um sucesso considerável tanto nas pistas de dança como nas tops internacionais.
No ano seguinte, ainda em colaboração com Thomas Bangalter e com Benjamin Diamond, Alan lança  Music Sounds Better With You no projeto Stardust cujo sucesso lhes valeu o 1º lugar nos tops de música de dança nos Estados Unidos.

O sucesso desta faixa incentivou Braxe a criar a sua própria gravadora  independente: a Vulture Music, no ano 2000, com o intuito de produzir o seu próprio trabalho e aumentar o número de colaboradores com quem participaria, assim como de lançar novos artistas. Esta gravadora foi um marco do “French Touch”, nome utilizado para descrever o House francês ou Euro-Disco que era feito na época, entre 1990 e 2000, onde entre alguns nomes de referência podíamos encontrar: Cassius, Etiénne de Crecy e  Daft Punk, tendo estes últimos sido os mais marcantes neste estilo de música de dança. Juntaram-se-lhes mais tarde os nomes provenientes da Vulture: Kris Menace, Lifelike, Fred Falke e o próprio Alan Braxe.

A primeira música a saír pela Vulture foi Intro que provou ser um hit e pouco a pouco se tornou um clássico das pistas de dança.Saíram, sob o nome da Vulture, músicas como a sensual “Discopolis”, nascida da colaboração Kris Menace com Lifelike, a incrível “Lumberjack”, co-produção Braxe-Menace e “I Feel Music In Your Heart” de Kris Menace com Stars on 33 que viria mais tarde a ser remisturada por ele e pelo colega de gravadora, Laurent Ash .

Esta gravadora conhecida pela sua identidade artística retro-futurista, continua até aos dias de hoje a ser considerada um pilar na cena electrónica francesa, distinguida pela qualidade das suas produções. Serviu como rampa de lançamento a Kris Menace que mais tarde fundou as suas próprias gravadoras o que lhe permitiu por sua vez apostar em novos nomes como forma de retribuir aos deuses da música.
Assim, de Kris Menace surgiu a “Compuphonic” de componente mais electro-techno, por onde editou trabalhos seus e colaborações com Felix Da Housecat, Fred Falke e DJ Spooky. Foi talvez através desta gravadora que Christophe Hoeffel (de nome verdadeiro) lançou aquelas que serão as suas músicas mais emblemáticas como a muito dançável “Artificial”, a belíssima “Fairlight” e a potente “Steamroller” .
Fundou também a “Work It Baby”, apostando novamente em trabalhos de colaboração e  em novos projectos como Moonbootica, Jaunt e Charlie Fanclub  e editando trabalhos de colegas da Vulture: “Running Out” de Lifelike, “Music From My Friends” de Fred Falke assim como as suas próprias co-produções com Adam, Quartet, Serge Santiágo e Tom Neville.
Enquanto isso a Vulture continuava a editar permitindo a Alan Braxe a experimentação de novos caminhos como fez com “In Love With You” (2003) e “Rubicon” (2004), co-produzida por Fred Falke. Aliás este último artista, cujo início de carreira como baixista o levou a enveredar por uma carreira de produtor, acompanhou a carreira de Braxe, desde quase o início com remisturas de estilos tão variados como o hip-hop de “Bossy” (Kelis), o funk de “Alright” (Jamiroquai), a eletrônica dos australianos Van She com “Kelly”, o rock de “Black History Month” dos Death From Above 1979, do super-êxito “D.A.N.C.E.” dos Justice trabalhando também em originais como as já referidas “Intro” e “Rubicon”. Esta colaboração durou até ao ano de 2008 altura em que as suas carreiras tomaram caminhos separados tendo Fred Falke começado um novo trabalho de co-produção com o alemão Kris Menace.
Foi com a ajuda deste produtor alemão que, em 2006, Alan Braxe se aventura do djing e passa 2 anos a fazer DJ sets em clubs nos Estados Unidos, Europa e Austrália, fazendo-o redescobrir o ambiente da cena noturna que o fez apaixonar pela  música eletrônica. Em 2007 junta-se a Menace para produzir uma das suas músicas mais conhecidas: “Lumberjack” e faz uma remistura para o hit de Kylie Minogue “2Hearts”.

Em 2008, lança “Addicted” de grandes influências Dubstep, fugindo das suas raízes house e juntamente com Fallon cria talvez o maior desvio em termos musicais da sua carreira na direcção da música de dança mais comercial, ao fazer uma versão com voz para “Addicted” de nome “Nightwatcher”.
Ao lado de Thomas Bangalter, Alan Braxe, juntamente com a sua gravadora Vulture e os ícones que daí surgiram, pode ser considerado um dos nomes mais importantes do French Touch e um nome de referência na cena eletrônica, não só francesa, mas mundial.

Fonte: ruadebaixo.com 

Segue também um mixtape produzido por ele neste mês.
BRAXE 60′ MIX FEB 2011 by ALAN BRAXE

N.E.R.D. produzidos por Daft Punk

olha eles aí!
Nunca tinha ouvido falar na banda N.E.R.D,  mas saber que o Daft Punk produziu a música mais recente de trabalho deles chamou minha atenção. E descobri que o Pharrell Williams é da banda, e eu gosto dele 😀

A música é muito legal. Alguns podem ansiar por algo parecido com o som dos dafts, mas eles apenas produziram, não tem muito do toque francês (ou toque de Midas).

N.E.R.D. – Hypnotize U (Produced By Daft Punk) by Hypetrak

Só uma faixa do Daft Punk em DJ Hero 2

Pra quem comemorou que Daft Punk voltaria na segunda edição do game DJ Hero, a alegria termina com a divulgação das tracks. Apenas Human after all fará parte do jogo. Tá certo que na priemira edição fomos presenteados com várias músicas dos Dafts, mas eu ainda acho isso uma tremenda falta de sacanagem.

Por enquanto, esta é a lista divulgada:

2Pac feat. Dr. Dre and Roger Troutman – “California Love Remix”
50 Cent – “In Da Club”
Adamski – “Killer”
Afrika Bambaataa and The Soul Sonic Force – “Planet Rock”
Armand Van Helden – “I Want Your Soul”
A-Trak – “Say Whoa”
B.o.B feat. Bruno Mars – “Nothin’ On You”
Basement Jaxx – “Where’s Your Head At”
BlakRoc feat. Pharoahe Monch & RZA – “Dollaz & Sense”
Busta Rhymes – “Put Your Hands Where My Eyes Can See”
Calvin Harris – “I’m Not Alone”
Chamillionaire – “Ridin’“
Chic – “Good Times”
Chic – “Le Freak”
Clinton Sparks, DJ Class, & Jermaine Dupri – “Favorite DJ”
Daft Punk – “Human After All”
Damian Marley – “Welcome To Jamrock”
David Guetta & Chris Willis – “Love Is Gone”
David Guetta feat. Kid Cudi – “Memories”
David Guetta vs. The Egg – “Love Don’t Let Me Go (Walking Away)”
Deadmau5 – “Ghosts N Stuff”
Deadmau5 & Kaskade – “I Remember”
Deee-Lite – “Groove Is In The Heart”
Dillinja and Skibadee – “Twist ‘Em Out”
Dizzee Rascal & Armand Van Helden – “Bonkers”
DJ Qbert – “Super Battle Breaks”
DJ Shadow – “Midnight In A Perfect World”
DJ Shadow feat. Q-Tip and Lateef The Truth Speaker – “Enuff (DJ Fresh Remix)”
Donna Summer – “Bad Girls”
Edwin Starr – “War”
Eminem – “Not Afraid”
Estelle feat. Kanye West – “American Boy”
Flo Rida – “Low”
Flo Rida feat. Will.I.Am – “In The Ayer”
Gorillaz feat. Mos Def & Bobby Womack – “Stylo”
Grandmaster Flash & The Furious Five feat. Melle Mel & Duke Bootee – “The Message”
Harold Faltermeyer – “Axel F”
House Of Pain – “Jump Around”
Iyaz – “Replay”
Janet Jackson – “Nasty”
Justice – “D.A.N.C.E.”
Justice – “Waters Of Nazareth”
Kanye West – “Heartless”
Kanye West – “Love Lockdown”
Kaskade & Deadmau5 – “Move For Me”
Kelis – “Acapella (David Guetta Extended Mix)”
Kool & The Gang – “Jungle Boogie”
Lady Gaga – “Lovegame”
Lady Gaga – “Bad Romance”
Lady Gaga feat. Colby O’Donis – “Just Dance”
Lil Jon & The East Side Boyz feat. Ying Yang Twins – “Get Low”
Lil’ Wayne – “Go DJ”
Lil’ Wayne feat. Static Major – “Lollipop”
LL Cool J – “I Can’t Live Without My Radio”
M.I.A. – “Galang”
M|A|R|R|S – “Pump Up The Volume”
Major Lazer feat. VYBZ Kartel – “Pon De Floor”
Malcolm McLaren – “Buffalo Gals”
Metallica – “The Day That Never Comes”
Missy Elliott – “Get Ur Freak On”
MSTRKRFT feat. N.O.R.E. – “Bounce”
Nas feat. Keri Hilson – “Hero”
Naughty By Nature – “O.P.P.”
Nelly – “Hot In Herre”
New Boyz – “You’re A Jerk”
New Order – “Blue Monday”
Newcleus – “Jam On It”
Nightcrawlers – “Push The Feeling On (MK Mix 95)”
Orbital – “The Box”
Pirate Soundsystem – “Bashy Bashy”
Pitbull – “I Know You Want Me (Calle Ocho)”
Pussycat Dolls feat. Busta Rhymes – “Don’t Cha”
Rihanna – “Pon De Replay”
Rihanna – “Rude Boy”
Robin S – “Show Me Love (Stonebridge Radio Edit)”
Salt N Pepa – “Push It”
Sam Cooke – “Chain Gang”
Sam Sparro – “B&G” a/k/a “Black & Gold”
Sean Paul – “Infiltrate”
Sean Paul – “Get Busy”
Snoop Dogg – “Who Am I (What’s My Name)?”
Snow – “Informer”
Soulja Boy Tell ‘Em – “Crank That (Soulja Boy)”
Sparfunk & D-Code – “Apocalypse”
Stevie Wonder – “Superstition”
Talib Kweli – “Get By”
The Chemical Brothers – “Leave Home”
The Chemical Brothers feat. Q-Tip – “Galvanize”
The Crystal Method – “Busy Child (Still Busy After All These Years Remix)”
The Jackson 5 – “ABC”
The Notorious B.I.G. feat. Mase & Diddy – “Mo’ Money, Mo’ Problems”
The Prodigy – “Omen”
The Prodigy – “Firestarter”
Tiësto – “Speed Rail”
Tiësto & Sneaky Sound System – “I Will Be Here”
Tiësto vs Diplo – “Come On”
Tiga – “You Gonna Want Me”
Timbaland feat. Drake – “Say Something”
Timbaland feat. Keri Hilson & D.O.E. – “The Way I Are”
Tweet feat. Missy Elliott – “Oops (Oh My)”
Walter Murphy – “A Fifth Of Beethoven”
Warren G feat. Nate Dogg – “Regulate”
Wayne Smith – “Under Mi Sleng Teng”
Yeah Yeah Yeahs – “Heads Will Roll (A-Trak Remix )”
Young Jeezy feat. Kanye West – “Put On”

Depois dessa, vou xingar muito no twitter…

Stardust

O Stardust foi um projeto pararelo de Thomas Bangalter e contava com a participação de Alan Braxe e de Benjamin Diamond no vocal. No ano de 1998 (ano de início e término do projeto), eles produziram Music sounds better with you, sampleada de Fate, do Chaka Kan.
Durante um live set do trio no Rex Club, em Paris, enquanto Bangalter e Braxe criavam o instrumental, Diamond instintivamente cantou o título da música por cima. No dia seguinte eles levaram a track pro estúdio, adicionando a sample do Chaka Khan. A música atingiu a 2ª posição na cabela de singles do reino unido (UK) e ficou duas semanas em 1º na US Billboard de Hot Dance Music/Club Play em agosto de 98. O projeto acabou. Diamond e Braxe retomaram suas carreiras solo e Bangalter continua com o Daft Punk.

O vídeo de “Music Sounds Better with you” foi dirigido por Michel Gondry, que também dirigiu o clipe de Around the world e o filme “Brilho eterno de uma mente sem lembranças”.

Tema de Tron Legacy (novo)

Apareceu um vídeo com a música tema de Tron Legacy (única confirmada como sendo do Daft Punk) com mais de 6 minutos. Muitos já devem ter ouvido essa música, mas o que chamou minha atenção é o fato de ela não ter sido remixada, ou melhor, extendida, como nos outros vídeos do youtube, já que o que se tinha oficialmente era um pouco mais de um minuto. Depois dos quatro minutos ela fica bem diferente.

Devido ao grande número de fakes atrelados ao Daft Punk, acredito que afirmar ou negar que esta seja deles mesmo é perigoso. O Friends by far fez um post muito legal sobre isso. Eu particularmente gostei muito desta, ainda com uma virada depois dos quatro minutos. Tá bem ao estilo Daft Punk.

Lovefoxxx canta para Guy-man

É quase isso mesmo que você leu. A vocalista da banda CSS fez o vocal da música Nightcall, do novo EP do Kavinsky lançado recentemente. Segundo o rraurl, os remixes foram assinados pelos produtores Jackson Fourgeaud, do projeto Jackson & His Computer Band; Dustin N’Guyen; e Thibaut Berland, mais conhecido como Breakbot.

A produção de Guy-Manuel não se nota apenas nas batidas polidas e instrumentos bem encaixados. Quem ouviu às músicas de Human After All (2006) deve perceber que o timbre do baixo em “Nightcall” lembra muito os desse disco do Daft Punk. E a faixa também guarda semelhanças com as de Sexuality (2008), álbum de Sebastien Tellier produzido por Guy-Manuel, como no uso de teclados retrô.

O site ainda lança uma suspeita: seria o produtor Dustin Nguyen um pseudônimo do Guy-man?

Dustin Nguyen é um diretor e ator vietnamita, conhecido por filmes de ação. Aqui, seu nome é usado por um misterioso produtor (Guy-Manuel?) para assinar o segundo remix de “Nightcall”. Ele se aproxima mais da original, dá uma acelerada no ritmo e deve se encaixar melhor em sets voltados para a pista de dança.

Em entrevista ao site do Correio Braziliense, Lovefoxxx fala sobre os seus projetos.

Eu fiz uma música junto com a banda japonesa 80kidz para a coletânea de aniversário da Tower Records japonesa chamada No music no life. Ficou muito legal. Se chama Spoiled boy. Também gravei um vocal na música Nightcall, do Kavinsky. Essa faixa foi produzida pelo Guy-Manuel de Homem-Christo do Daft Punk. Ele acabou de lançar esse single. No CSS, estamos fazendo nosso terceiro disco. Estou muito empolgada com as músicas novas! Agora, nem dá pra falar sobre datas porque não sei quando acabamos.

Ouça a faixa:

Nightcall – Kavinsky

Tracklist de DJ Hero

Daft Punk “Around the World” vs. Young MC “Bust A Move”


Daft Punk “Da Funk” vs. NASA “Strange Enough ft. Karen O, ODB and Fatlip”


Daft Punk “Da Funk” vs. Queen “Another One Bites the Dust”


Daft Punk “Robot Rock” vs. Hashim “Al-Naafiysh (The Soul)” – Produced and mixed by The Scratch Perverts


Daft Punk “Robot Rock” vs. Queen “We Will Rock You”


Daft Punk “Short Circuit” vs. Boogie Down Productions “Jack Of Spades”


Daft Punk “Technologic” vs. Gary Numan “Cars”


Daft Punk “Television Rules The Nation” vs. No Doubt “Hella Good”

Daft Punk em DJ Hero

Os franceses do Daft Punk irão integrar o time de artistas do game DJ Hero. Ainda não se sabe quais músicas serão selecionadas para o jogo, informa o site Finalboss.

Além do duo, também está confirmado o DJ Jazzy Jeff, ex-parceiro de Fresh Prince – antiga alcunha de Will Smith. O produtor ganhará um personagem virtual e irá colaborar no setlist com dois remixes inéditos. As faixas serão mash-ups de “Shout” e “Eric B. Is President” (Tears For Fears x Eric B. & Rakim), e de “Rock the Bells” e “Bittersweet Symphony” (LL Cool J x The Aranbee Pop Symphony Orchestra).

Previsto para o final deste ano, DJ Hero é o novo braço da linha de games musicais da empresa detentora da franquia Guitar Hero.

O joystick terá formato de pick-up, e a lista de colaborações de contar com mais de 100 artistas (os DJs Shadow e Z-Trip também estão confirmados), e cerca de 80 remixes inéditos. Faixas de músicos como Beastie Boys, Beck, Blondie, Billy Squire estão confirmadas, mas ainda não foram reveladas. O jogo sairá para Xbox 360, PlayStation 3, Wii e PlayStation 2.

Fonte: Rolling Stone Brasil

Diretores falam sobre Tron Legacy


O filme Tron Legacy (nome oficial para a continuação do filme oitentão Tron – uma odisséia eletrônica) já estão com suas filmagens terminadas. A equipe, os atores Olivia Wilde e Jeff Bridges, produtores, e os diretores Steven Lisberg (de Tron), Joseph Kosinski (Tron Legacy) se reuiniram em coletiva para falar sobre o projeto.

“A cidade de Tron é meio que um aquário; Fizemos tudo para ser o mais difícil possível de separar o que é real e o que é computação; Se você não viu o filme original vai poder assistir numa boa e quem é fã vai ter a experiência de ver coisas que as outras pessoas não conhecem; Daft Punk vai fazer a trilha sonora. Eles se encaixam perfeitamente com o que queríamos… até na parte visual, eles se parecem com Tron, com os capacetes e tudo mais.” (Joseph Kosinski)

Segundo o diretor do primeiro filme, Steven Lisberg, “a grande motivação para fazer esse novo filme, depois de tanto tempo, foi achar o diretor Joseph Kosinski, o cara certo para o trabalho; Sobre a tecnologia, eles procuraram uma forma de adaptar para o que temos hoje e, na opinião dele, está bastante realista e verdadeiro; contamos o cenário de uma forma que no primeiro momento que os fãs virem a primeira imagem, eles vão saber que é Tron; Estamos muito empolgados com o 3D, mas o mais importante são os personagens interpretados por Jeff, Olivia e a história que nós estamos contando; Espero que não tenhamos de esperar outros 30 anos para ver o próximo filme e acho que essa geração da Internet vai ajudar a acontecer antes.”

Vai demorar pra sair o resultado. Tron Legacy deve ser lançado entre novembro e dezembro de 2011…